Espargos na Horta

Categorias: A Horta & Agricultura Biológica, Featured, Os Artigos

Tags: ,

Comentários: 18 comentários | Partilhar!

feature photo

 

Como preparar uma espargueira em sua casa

 

Características

 

O espargo (Asparagus officinalis L.) é uma planta vivaz rizomatosa que produz rebentos carnudos e comestíveis, denominados turiões, usualmente durante 7 a 8 anos. Existem espargos brancos, verdes, violetas e violetas/verdes, sendo os dois primeiros os mais comuns, e que podem ser utilizados em fresco, congelados ou em conserva. É uma hortaliça rica em fibra, ácido fólico, vitamina C e potássio e pobre em calorias, não contendo gordura nem colesterol. A textura dos espargos é definida com base no seu teor de fibras, sendo um espargo demasiado fibroso pouco apreciado pelo consumidor.

 

Existem plantas femininas e plantas masculinas. As primeiras podem espigar e dar semente, o que é contraproducente, já que não se pode aproveitar o turião e as jovens plantas que provêm de semente não têm interesse hortícola. Se possível deve adquirir plantas híbridas e masculinas. Terá mais sucesso se plantar coroas (conjunto de raízes e rizoma – daqui saem os rebentos ou turiões) com 1 ano de idade em vez de experimentar semear ou transplantar plântulas com 10 a 12 semanas.

 

Escolha do local, plantação e produção

 

Seleccione um local onde nunca tenha plantado espargos para reduzir a possibilidade de contaminação por fungos do solo, em especial Fusarium, que enfraquece e mata a planta, e para evitar a existência de substâncias libertadas pelos espargos velhos (alelopáticas) que dificultam o crescimento das novas plantas. Aguarde pelo menos quatro anos antes de efectuar uma replantação. O terreno deve estar limpo de infestantes (ervas daninhas) sob pena de estas sufocarem os espargos.

 

Estrume com antecedência, adube e faça um camalhão abaixo do nível do solo (abra um buraco com 20 cm de profundidade e alteie 5 cm o seu interior – a vala adquire a forma de um W). Coloque as coroas na vala espaçadas entre si 20 a 30 cm e afaste as valas 1,5 m. Cubra as coroas com 5 cm de terra.

 

O espargo deve ser instalado em solos profundos, bem drenados, com boa percentagem de areia. O pH do solo deve situar-se entre 6,2 e 6,7. Os nutrientes fósforo (P) e potássio (K) têm de ser incorporados no solo antes da plantação, pois de outro modo, como são pouco móveis não irão chegar às raízes para serem absorvidos. Deve-se também aplicar azoto (N) na forma amoniacal e nítrica. Num solo que não foi analisado pode aplicar cerca de 200 g do adubo 5-10-10 (N-P-K) por m2 de vala ou um 10-52-17. Em cada Primavera (Março), e antes da emissão dos turiões, deve adubar a planta com azoto e outros nutrientes (se necessário use novamente um 5-10-10) e não se esqueça de adubar após a colheita (Maio/Junho) para a planta repor as reservas que foram consumidas.

 

O espargo necessita de um período de repouso vegetativo (90 dias) para produzir com sucesso os turiões. Nas condições de Portugal esse repouso ocorre durante o Inverno. Na Primavera a emissão de turiões dá-se com temperaturas ao redor dos 12 ºC. Neste período se a temperatura for muito baixa ocorre queima ou descoloração dos espargos (verdes). Pelo contrário, se a temperatura rondar os 25 ºC, aliada a seca, aumenta o número de turiões espigados. Durante o desenvolvimento vegetativo a temperatura deverá situar-se entre os 18 ºC e os 25ºC.

 

É de evitar o excesso de água durante todo o ano para não ocorrer asfixia das raízes. Durante a colheita deve-se fornecer apenas a água necessária à formação dos turiões (o solo deve manter-se húmido). No Verão é necessário regar pois a planta está activa e está a armazenar nutrientes.

 

Proteja as plantas dos insectos (afídeos, lagartas, moscas), das doenças (ferrugem, fusariose, podridões) e das infestantes mais comuns, consultando um especialista.

 

Colheita e conservação

 

Não colha rebentos no ano da plantação (1º) e no ano seguinte (2º) pode colher durante 2 ou 3 semanas (um máximo de 8 turiões por planta). Um excesso de colheita enfraquece a planta! A partir do terceiro ano a colheita estende-se por 6 a 8 semanas. Na Primavera escolha os turiões jovens, grossos, pouco fibrosos (doutro modo tornam-se amargos), que têm cerca de 20-25 cm e corte-os pela base com a ajuda de uma faca ou navalha. Os espargos devem ser direitos, firmes, tenros e apresentar brilho.

 

Após a colheita lave e arrefeça os espargos rapidamente. Os espargos devem ser conservados no frio a temperatura entre 0 ºC e 2 ºC e com a base embrulhada em papel humedecido em água. Se os espargos murcharem ligeiramente pode voltar a dar-lhes turgidez mergulhando-os em água fria.

 

Para comercialização de espargos apresentados ao consumidor no estado fresco deve-se consultar as normas de qualidade dadas pelo Regulamento (CE) N.º 2377/1999 (Jornal Oficial L 287 de 10.11.1999, p. 6-11), alterado pelo Regulamento (CE) Nº 46/2003 (JO L 7 11.1.2003, p.61) e pelo Regulamento (CE) Nº 907/2004 (JO L 163 30.4.2004, p.50).

 

Referências

http://www.dalmeida.com/poscolheita/produtos/espargos.htm – Alfredo A. C. Aires (2000). Espargos frescos – Aspectos da sua fisiologia de pós-colheita.

http://ohioline.osu.edu/b826/b826_3.html – Asparagus Production Management and Marketing, Ohio State University Extension, Horticulture and Crop Sciences, Bulletin 826

http://www.ces.ncsu.edu/depts/hort/hil/hil-2-a.html – Douglas C. Sanders (2001). Commercial Asparagus Production. Horticulture Information Leaflets, North Carolina State University.

http://www.ces.ncsu.edu/depts/hort/hil/hil-8002.html – Douglas C. Sanders (2001). Home Garden Asparagus Production. Horticulture Information Leaflets, North Carolina State University.

Partilhar!
  • Facebook
  • Twitter
  • MySpace
  • Digg
  • Live
  • del.icio.us
  • Google Bookmarks
  • NewsVine
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • Technorati
  • LinkArena
  • LinkedIn

Sobre o autor

O Autor

DIOGO RICOU é o responsável técnico da empresa Monteiro & Ricou, lda. Licenciado em Engenharia Agrícola pela Universidade dos Açores. Desde sempre que esteve ligado a esta área. É formador nas áreas da jardinagem, nomeadamente planeamento de jardins e dá aulas ao curso CEF jardinagem no ensino público. A monteiro & Ricou presta serviços de consultadoria, gestão de obras, construção de jardins, implantação e projecto de sistemas de rega, instalação de jardins verticais, agricultura, paisagismo. www.monteiroricou.blogspot.com

Comentários

Existem 18 comentários, deixe o seu

  • Por curiosidade semeei espargos, nasceram bem! Mas muito finos? Que devo fazer? Tenho-os em covetes de esferovite, com cerca de 40 Dias. Estamos em finais de Junho, devo transplanta-los para lugar definitivo? Agradeço que alguem ne ajude a não os estragar; obrigado.

  • Gostaria de iniciar a cultura de espargos para consumo, gostaria que me informace se devo começar por fazer uma sementeira para depois efectuar a plantação e tambem uma infomação sobre as épocas e como o devo fazer.
    Por agora é tudo;

    Com os meus agradecimentos,

  • gostaria de plantar espargueiros, já fiz com sementes mas não resultou e cá na madeira não conheço ninguem que os tenha e pela net já andei a ver mas não consigo. gostaria de saber onde posso adquirir as coroas através da net.

    Obrigada desde já

  • mto obrigado pela possibilidade que me é dada, e sendo assim, gostaria de saber o seguinte: como devo e quando podar o espargueiro? plantei as coroas este ano, tendo agora um metro e tal de altura, uns espigados e com flor e não sei, se devo podá-los ou não? quem me poderá esclarecer! agradecia imenso.

  • Bom dia e bom trabalho.
    Comi espargos e gostei muito e, então, perguntei numa loja se havia sementes e comprei. Só depois é que percebi que não é assim tão simples e lembrou-me do adágio popular “quem te manda a ti sapateiro tocar rabecão.” Agradeço que alguém me informe sobre a sementeira, como fazer a transplantação e quando e como escolher as plantas híbridas e masculinas já que as femininas não interessam. Agradeço também info onde comprar as coroas e quantas para uma família de 4 pessoas. Cumprimentos

  • Tenho um bom quintal com canteiros e gostava de cultivar espargos, dos brancos masculinos,gostaria de adquirir as coroas para plantar e adquirir um livro que me ilucida-se sobre os cuidados e modos de cultura. Pergunto se podem fazer o favor de me indicar onde comprar as coroas para plantar e um livro de formação.
    Muito obrigados pela atenção.Cumprimentos.

  • Bom dia. Gostaria de saber como adquirir as coroas para a plantação de espargos, ja tentei varias vezes com sementes, e nao consegui. Aguardo vossa informaçao. Os meus agradecimentos

  • boa tarde
    onde posso comprar as coroas e qual a altura ideal para as plantar?
    obrigado

  • Boa noite
    Onde posso comprar coroas de espargos, prontos a começar a produzir.
    A título de curiosidade, uma coroa, quantos espargos dá.

  • Tenho intenção de fazer uma pequena plantação de espargos para consumo próprio. Não sei onde comprar as 15 coroas que pretendo. Onde as poderei adquirir ?
    Obrigado

  • Onde se podem adquirir as coroas dos espargos?
    Obrigada

  • Por uma questão de me orientar, gostava de saber se alguém chega a dar resposta às questões que colocamos.
    Obrigada

  • Boa tarde;

    Vou repetir a pergunta que já tem vindo a ser feita, mas não encontro resposta para:
    Onde posso adquirir as plantas para transplantar?
    E as sementes em que época devem ser colocadas na terra?
    Desde já agradecia uma resposta para o meu mail
    Grata
    Cumprimentos

  • Indicar onde posso adquirir ou comprar coroas de espargos para plantação e um livro de formação.
    Obrigado

  • Onde se podem adquirir as coroas dos espargos? Moro em Santarém. Há algum horto perto onde possam vender esse produto?

  • Gostaria de saber onde posso comprar espargueiras para ainda poder plantar .obrigada

  • as minhas dúvidas são as mesmas de quase todos.Comprei sementes de espargos. fiz um criador em maio.já começaram a nascer. Não sei como planta-los definitivamente, pois quem me vendeu as sementes disse-me que aos 4 meses é que os mudava definitivamente, mas não me explicou como.alguem me pode dar uma dica?
    OBRIGADO

  • Bom dia , para todos aqueles que querem e devem plantar Espargos no seu Quintal , eu vou falar por conhecimento de causa , ainda hoje demanhã cortei no quintal e ja comi ao almoço , uma delicia . eu comprei ´há nove anos duas dúzias de pés enxertos de qualidade Lima ebrideF1 , em França e plantei na região de FAFE fraguesia do Monte exatamente .
    ao segundo ano comecei a colher e todos os anos de março a fim de maio . é verdade que tem astúcias na plantação e na manutenção .

Deixe o seu comentário!

nome
(obrigatório)
e-mail
(obrigatório) (não será mostrado)
website
comentário
 

Relacionados

Produtos Seleccionados

pub



Secções
em Destaque

As Dicas
Conselhos úteis!
Plantas Ornamentais
Rosas, Orquídeas e muito mais!

Junte-se
a nós!




PUB

Votação

  • No seu relvado que tipo de equipamento utiliza?

    Ver Resultados

    Loading ... Loading ...

Jardineiros
online

  • 13 Jardineiros Online
  • Jardineiros: 10 Convidados, 3 Bots