A CARREGAR

Type to search

Ficha Cogumelos: Cantharellus cibarius

Gastronomia Muito conhecido e apreciado. Aproveita-se na totalidade e a sua carne nunca se estraga. Pode secar-se ou salgar-se, utiliza-se em guisados, grelhados…É rico em aminoácidos e vitamina A.
Descrição Chapéu: 4 a 10cm, estendido e que acaba em forma de funil. A margem é ondulada e delgada. A superfície é lisa, de cor amarelo-vivo e apresenta uma depressão no centro.

Lâminas: falsas lâminas dobradas, decorrentes e bifurcadas ao longo do pé, amarelo-vivo.

Pé: 3 a 8cm  atenuado para a base, curvado a meio, branco quando é jovem e depois amarelo. É carnudo e tenro.

Cheiro: Liberta um muito agradável odor frutado.

Observações A coloração é muito variável. Debaixo dos carvalhos surge a variedade alborufescens, completamente branca mas que oxida  ou se torna manchada de laranja ao ser tocada. Existem outros 2 muito parecidos: Hygrophoropsis aurantiaca, o falso cantarel, perfeitamente comestível e o Omphalotus olearius, muito tóxico!
Nome Comum Cantarel, Cantarelas, canários, sanchas

A REDACÇÃO do Portal do Jardim.com, conjuntamente com todos os seus contribuidores, prepara artigos e notícias do seu interesse, mantendo-o ao corrente do que se passa sobre o Jardim, em Portugal e no Mundo.

Tags:

3 Comments

  1. Miriam Mathias 18 de Abril de 2011

    Achei excelente este artigo, contudo gostaria de maiores informações sobre o cultivo de cogumelos comestíveis em pequenos espaços, de preferência os cultivados em troncos e em palha de arroz. Aceito outras sugestões de cultivo que sejam práticas e de baixo custo.
    Obrigada.
    Miriam.

    Responder
  2. joaoferreira95 21 de Dezembro de 2011

    é possível cultivar cogumelos em vasos, certo? eles alastram? seria interessante fazerem um tutorial acerca do cultivo de cogumelos, em casa.

    Responder

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Ir para o topo