A CARREGAR

Type to search

As minhas flores: Ophrys Lutea, Cavanilles.

Quando paramos para olhar com atenção as flores dos nossos campos, descobrimos plantas incríveis. É o caso das Orquídeas Silvestres.
Algumas imitam insetos. As orquídeas têm polinização entomófila, para tal o labelo imita as vespas que habitualmente a polinizam.
O inseto macho pousa no labelo da flor (que imita o dorso de uma vespa fêmea). Neste contacto, o pólen dos pequenos sacos, passa para o inseto, que o transporta para outras orquídeas.

Estas bonitas Orquídeas encontrei-as entre o “Poço Alegre” e o antigo Moinho da Quinta dos Oregãos / Monte de Boi.
Se a panorâmica sobre Messines era boa no “Poço Alegre”, no Moinho ainda é melhor, muito mais abrangente, alcança-se a Ermida da Nossa Senhora da Saúde.
Em tempos idos quando o moinho trabalhava, ouvia-se a toada dos búzios presos ao cordame, que unia as vergas, hoje é uma ruína.

Ficha
Espécie: Ophrys Lutea
Família: Orchidaceae
Nome Comum: Erva-Vespa
Floração: Março a Maio
Distribuição: Região Mediterrânea
Habitat: Terrenos incultos, secos e calcários.
Fotos Recolhidas no Algarve: Qt. Dos Orégãos/Monte de Boi – Messines / Charneca – Monte de Boi – Messines
Coordenadas: 37.253218, -8.290308 / 37.247918, -8.307057

Descrição:
Planta vivaz, de dois a três tubérculos, globosos a ovóides inteiros. Caule ereto de 10 a 35 cm de altura. Folhas em roseta basal, ovadas e agudas. Inflorescência constituída por duas a sete flores em espiga.
As sépalas são côncavas e verde-amareladas, em que a central, encurvada protege o gimnostémio, as laterais ovadas e ligeiramente assimétricas. Pétalas verde-amarelas, lineares, obtusas com margem ondulada. Labelo castanho com duas manchas azuladas semelhante a inseto, inteiro e trilobado, piloso, com zona central glabra e brilhante, com larga margem amarela.
A disseminação das orquídeas ocorre por sementes (cápsulas), mas também por tubérculos.
Fonte: Wikipedia

Manuela Rocha é natural de Almada, formada em Engenharia de Sistemas Marítimos de Electrotecnia e Telecomunicações, especializou-se na área da electrónica marítima.

Nos seus tempos livres gosta de passear e fotografar a Natureza em todas as suas dimensões, mas o que a cativou foram as flores silvestres que de forma espontânea estão aí a surpreender com a sua beleza.

Com um levantamento de imagens feito ao longo de vários anos o Portal do Jardim vai contar com a sua preciosa colaboração partilhando connosco as suas descobertas.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Ir para o topo