A CARREGAR

Type to search

Formação pelo Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto Charcos com Vida na Mata do Buçaco

A biodiversidade existente na Mata Nacional do Buçaco vai ser aprofundada já em outubro. O Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto, em colaboração com a Fundação Mata do Buçaco e o Departamento de Biologia da Universidade de Aveiro e, vai organizar a ação de formação “Charcos com Vida” nos próximos dias 20, 21 e 28 de outubro, na Mata Nacional do Buçaco.

A formação consiste em dois cursos abertos a quaisquer interessados, mas particularmente direcionados para educadores ambientais, arquitetos paisagistas, guias de natureza, agricultores, jardineiros, professores e famílias.

Aos professores, a ação de formação será acreditada pela Ordem dos Biólogos (25h, 1 crédito).

O “Curso de monitores Charcos com Vida” tem o custo de 35€ e decorrerá nos dias 20 e 21 de outubro, das 10h às 18h30. A programação integra a apresentação da Campanha Charcos com Vida, a explicação das tipologias, importância e biodiversidade dos Charcos, atividades educativas de exploração de charcos e informação sobre a gestão de charcos. Será efetuada a visita a um charco, do qual será efetuada a caracterização e inventário biológico.

O “Curso de construção e manutenção de charcos” tem o custo de 20€ e decorrerá no dia 28 de outubro, no mesmo horário. A programação deste curso inclui a aprendizagem das técnicas e materiais para criação de charcos, o planeamento e desenho de um charco, assim como a construção e impermeabilização de um charco na Mata da Buçaco.

O formador será o Dr. Jael Palhas e as inscrições podem ser realizadas através de jael.palhas@Cibio.up.pt ou geral@charcoscomvida.org ou do telefone 220402877 / 220402809.

A REDACÇÃO do Portal do Jardim.com, conjuntamente com todos os seus contribuidores, prepara artigos e notícias do seu interesse, mantendo-o ao corrente do que se passa sobre o Jardim, em Portugal e no Mundo.

Tags:

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Ir para o topo