A CARREGAR

Type to search

Município de Ponte de Lima convidado para participar na candidatura ao Programa Europeu Horizon 2020

O convite para participar na candidatura ao Programa Europeu Horizon 2020 (H2020), ao abrigo do aviso “Construir um futuro com baixo teor de carbono e resiliente ao clima: Pesquisa e Inovação no suporte ao Acordo Verde Europeu”, partiu da Universidade Alemã de Duisburg-Essen, que assume a coordenação dos trabalhos de elaboração e submissão da candidatura, após ter tido conhecimento da intervenção em curso, ao abrigo do Projeto LIFE FLUVIAL (http://www.lifefluvial.eu/pt/), na Área de Paisagem Protegida das Lagoas de Bertiandos e São Pedro de Arcos.
Será de referir que, entre outros resultados, o Projeto Europeu LIFE FLUVIAL, que se encontra em execução sob coordenação, em Portugal, da investigadora Patricia Maria Rodríguez González, do Instituto Superior de Agronomia da Universidade de Lisboa, com o apoio do Município de Ponte de Lima, promoverá, em terrenos do município na área protegida, o restauro ecológico de cerca de 21,3 hectares do habitat prioritário 91E0* (Florestas aluviais de amieiro), melhorando de sobremaneira o seu estado de conservação e por conseguinte, produzindo impactes positivos sobre a biodiversidade, conetividade entre habitats e nos serviços dos ecossistemas prestados pelos mesmos.
As primeiras ações tendentes ao restauro deste habitat já foram concretizadas e envolveram: i) a promoção da regeneração natural, mediante a técnica denominada restauro passivo, que consiste na criação de condições para a recuperação natural do coberto vegetal; ii) a eliminação de eucaliptos; e iii) o controlo de espécies invasoras lenhosas. Brevemente, como reforço das ações anteriores, serão realizadas as ações de restauro ativo do coberto vegetal típico dos habitats em causa.

O restauro do habitat prioritário 91E0* na Área de Paisagem Protegida das Lagoas de Bertiandos e São Pedro de Arcos foi selecionado com um dos 17 casos de estudo, distribuídos por 14 países da Europa, que integram uma candidatura dirigida a otimização da eficiência do restauro ecológico numa perspetiva de inovação e de transferência de conhecimento entre regiões.
A candidatura ao Programa H2020, de acordo com o resumo disponibilizado no portal europeu de financiamentos e propostas, pretende gerar contributos para que seja possível operar uma mudança sistémica da sociedade no sentido de ser garantida a prosperidade económica, o bem-estar humano e a paz social. Neste contexto, o restauro ecológico de ecossistemas, usando soluções baseadas na natureza, é encarado como a chave para essa mudança, na qual os ecossistemas húmidos de água doce têm um papel central.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Ir para o topo