A CARREGAR

Type to search

Orquídeas: conheça as Vanda

A Orquídea Vanda mais conhecida é, de facto, a Vanda azul violácea, Vanda caerulea, mas as exigências do mercado ditaram que deveria existir uma paleta de cores mais vasta. Assim, hoje em dia, a variedade de Vandas à venda é enorme. Podemos encontrar plantas grandes com flores enormes e também outras de tamanhos menos intimidantes. As cores podem ir desde o branco até aos azuis, passando pelos amarelos, laranjas, vermelhos, rosas e púrpuras.

P1260381

Encontramos ainda flores de diversos matizes e também algumas flores de duas cores, com a sépala dorsal e pétalas de uma cor e as sépalas laterais e labelo com uma tonalidade acastanhada ou com sardas castanhas. Algumas são perfumadas. Hoje em dia já existem muitos híbridos de Vandas criados por produtores de orquídeas, especialmente na Tailândia, de onde muitas espécies são originárias, e que vão ao encontro das necessidades do mercado, com flores muito diversificadas e plantas menos exigentes e mais fáceis de cuidar. A maior parte são Ascocendas, híbridos de Ascocentrum com Vandas, mas praticamente todas são vendidas como Vandas. Assim, quando aqui falo em Vandas, estou a generalizar nos muitos híbridos das orquídeas desta aliança.

P1260383

As Vandas são das orquídeas que precisam de mais luz. Podem até receber algum sol direto, especialmente de manhã ou à tarde, quando o sol não é tão forte e não corremos o risco de queimar as folhas. As temperaturas ideais para cultivar as Vandas são entre os 18 e os 35ºC. As Vandas não resistem ao frio intenso e prolongado e aí há que ter bastante cuidado. Também a nível da humidade têm algumas exigências. O ideal, cerca de 80%. Nunca inferior a 70% e em locais com boa e constante circulação de ar.

P1260394

São plantas epífitas. Crescem agarradas a troncos de árvores que lhes servem de suporte e de apoio para chegar mais perto da luz. Têm raízes grossas e aéreas, cobertas de células esponjosas, que lhes permitem absorver rapidamente a água da chuva e mesmo a humidade do ar. São vendidas em cestos de plástico ou de ripas de madeira, de modo a conseguirmos um bom arejamento das raízes. Recentemente apareceram Vandas à venda em jarras de vidro, o que torna mais prático o transporte da planta, no entanto, e pela falta de circulação de ar e facilidade de acumulação de água nas raízes, não devem ser mantidas nesses ou em quaisquer outros recipientes.

P1260395

As Vandas devem ser penduradas, num cesto com um substrato grosso (casca de pinheiro ou carvão vegetal) cuja finalidade é mais manter a planta direita do que fornecer algum alimento à planta. Podem também estar somente penduradas, sem qualquer substrato. Para muitos cultivadores esse método tem sido mesmo o que ofereceu melhores resultados. Nos dias mais quentes as regas devem ser diárias e as fertilizações frequentes.

P1260396

As flores brotam nas axilas das folhas e têm a duração média de um mês.

Link para o site do clube: www.clubeorquidofilosportugal.pt

 

O C.O.P. – CLUBE DOS ORQUIDÓFILOS DE PORTUGAL é uma associação sem fins lucrativos que tem como objetivo juntar os portugueses que gostam de orquídeas divulgando estas jóias botânicas, tanto no seu cultivo como plantas ornamentais, como também na sua história e em todos os aspetos em que as orquídeas estão presentes na sociedade e cultura.

Aberto a gente de todas as idades, o clube tem já associados spalhados por Portugal continental e ilhas. A partilha de experiências terá lugar em encontros, workshops, cursos, presença na internet (Webpage, Blog, Facebook, Youtube, etc), publicações, exposições e concursos, pequenos passeios pela natureza e grandes viagens pelo mundo. Onde houver orquídeas, nós estaremos lá!
Website Clube Orquidófilos Portugal

Tags:

Talvez goste deste artigo

15 Comments

  1. CLAUDEMIR 15 de Setembro de 2015

    Cada dia fico mais encantando com assa beleza.. 😀

    Responder
  2. yara 12 de Outubro de 2015

    Por gentileza, a minha orquidea Vanda tinha uma raiz linda espessa e cumprida ,não sei o que aconteceu que ficou fina de aspecto seco e perdeu o volume que apresentava. O que devo fazer? Posso cortar essa raiz para salvar a planta? Tenho deixado com a pontas das raízes na água para ela não morrer.
    Estou muito triste por isso.
    Muito Obrigada,yara

    Responder
  3. maria santos 25 de Outubro de 2015

    Gostava de saber como me assuciar pois adoro orquideas e nao tenho por aqui quem me exclareca

    Responder
  4. Roberto Fernandes 4 de Março de 2016

    Adoro orquídeas, principalmente Vandas, gostaria de acrescentar mais informações a respeito delas em meus conhecimento.
    Aguardo novas informações.

    Responder
  5. maria cristina lemos 7 de Abril de 2016

    Gostaria de saber como devo fazer para que a minha vanda não fique com as raizes meio secas que é o que esta acontecendo e com o que devo usar para fertilizar?

    Responder
  6. José Santos 5 de Maio de 2016

    As raízes das Vandas devem ser grossas e com uma cor branco acinzentado. Se as raízes ficam escuras e finas é porque ficaram desidratadas. Quando isso acontece é por vezes muito difícil recuperar essas raízes. Contamos que as plantas produzam novas raízes para não prejudicar a planta.
    Para evitar que desidratem, deverá regar com frquência e abundância de água. No Outono e Inverno 2 a 3 vezes por semana. No Verão, todos os dias.

    Responder
  7. Natália Simões 1 de Outubro de 2016

    Gostaria de saber onde posso encontrar a Orquídea aérea . Obrigado

    Responder
  8. Redacção PortaldoJardim.com 2 de Outubro de 2016

    O melhor será ir até ao garden centre Jardins Sintra que fica no Ral em Sintra.

    Responder
  9. Roberto 2 de Novembro de 2016

    Gostaria de saber se vcs vendem ou se conhecem um site de alguém .

    Responder
  10. MARIA ALICE CAMARGO VIEIRA 13 de Novembro de 2016

    Comprei uma vanda que já veio no vaso de vidro transparente. Existe 2 tipos de vanda? Uma com raiz cumprida e outra vanda no vaso.

    Responder
  11. JAMIR TEIXEIRA DE AMORIM 17 de Março de 2017

    Gostaria de conseguir formar uma coleção Vandas? Como fazer para conseguir as mudas?

    Responder
  12. Maria 27 de Agosto de 2017

    Gostaria de adquirir uma Vanda orquídea, mas não sei como. Poderiam me ajudar? Obrigada

    Responder
  13. kelly santana 27 de Agosto de 2017

    São das mais belas essas orquideas

    Responder
  14. Luisa Gonçalves 29 de Agosto de 2017

    Bom dia, Não sei onde a Maria está mas tem a Jardins Sintra no RAL em Sintra que tem um belo orquidário. Concerteza que arranja esta espécie. Ou veja o link seguinte.
    Link para o site do clube: http://www.clubeorquidofilosportugal.pt

    Responder
  15. brigita gielow 19 de Outubro de 2017

    tenho muitas orquideas mais de 100 especies todas florescem e minha terapia tenho 77 anos e amo muito o que faço

    Responder

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Ir para o topo