A CARREGAR

Type to search

As Calêndulas São Maravilhas

[img]https://www.portaldojardim.com/artigos/plantas_saberes/calendula040407/abertura.jpg[/img]

 

[i]Fotos: Fernanda Botelho[/i]

Neste tímido princípio de Primavera está o meu jardim salpicado de calêndulas, borragens, goivos, amores perfeitos, morangueiros, capuchinhas; todas crescendo felizes entre elegantes alcachofras,alfaces e acelgas verdes e vermelhas. Sou uma fã defensora do conceito de jardim-horta e de consociação de flores, frutos e hortícolas. Quando bem feita esta consociação é extremamente benéfica para todas as plantas pois certas plantas estimulam o cescimento de outras, afastando pestes, contribuindo para o seu desenvolvimento e melhorando a qualidade do solo, uma boa consociação evita a utilização de adubos químicos e pestícidas, mas atenção, pois uma consociação mal feita terá consequências negativas.

Assim como existem plantas que se atraem e se estimulam, outras há que se repelem,inibindo o seu saudável desenvolvimento, por exemplo o tomate e o milho quando plantados juntos inibem o crescimento um do outro ou o girassol e a batateira, chegando este belo gigante dos jardins a fazer murchar a batateira, estas também não se dão bem com as abóboras, tomates ou framboesas.

Mas vou deixar este tema talvez para outro outro artigo, já que o aqui pretendo é escrever sobre a calêndula que para além de ser uma planta medicinal de grande utilidade é também uma das plantas mais utilizadas em consociação.

[url=https://www.portaldojardim.com/artigos/plantas_saberes/calendula040407/02.jpg][img]https://www.portaldojardim.com/artigos/plantas_saberes/calendula040407/thumbs/02.jpg[/img][/url]
 

A maravilha ([i]calêndula officinalis[/i]) confunde-se por vezes com o cravo-túnico ou cravo da Índia (tagets) que é muito utilizado na prevenção de pestes em hortas e jardins, pois as suas raízes segregam uma substância que quando libertada no solo provocam a morte dos nemátodos, é ainda uma planta tintureira mas não tem as mesmas propriedades medicinais da calêndula. A calêndula é uma planta anual da família das asteráceas, conhecida dos ingleses como «[i]pot marigold[/i]» floresce práticamente todo o ano em qualquer tipo de solo e são utilizadas apenas as pétalas, para fins culinários, cosméticos e terapêuticos.

Em tissana ou sob forma de compressas, pomada ou óleo, as suas pétalas utilizam-se para curar e aliviar todo o tipo de problemas cutâneos, psoríase, acne, queimaduras, sendo ainda anti-inflamatório, anti-fúngico e anti-viral.
É um adstringente capilar,sendo por isso muito útil no tratamento de feridas, varizes e úlceras internas e externas, devido ao alto teor de mucilagem, protege as paredes interiores dos orgãos prevenindo úlceras de estomago e intestino, é ainda útil para tratar pé- de- atleta e iratação causada pela fraldas nos bébés, alivia mamilos gretados acelarando o processo de cicatrização.
Em forma de tissana ou em gargarejos alivia dores de garganta, inflamações das gengivas e amigdalites, sobretudo se combinada com [i]salvia officinalis púrpurea[/i].
Ajuda a baixar a febre e a tratar problemas de conjuntivite sobretudo nos bébés .
Alivia picadas de insectos.
Muito utilizada ainda para tratar problemas genicológicos tais como menstruação dolorosa e abundante, cândida-albicans, tumores e quisto do ovário.

[url=https://www.portaldojardim.com/artigos/plantas_saberes/calendula040407/03.jpg][img]https://www.portaldojardim.com/artigos/plantas_saberes/calendula040407/thumbs/03.jpg[/img][/url]
 

[b]Componentes:[/b]
Carotenóides,resinas, óleo essencial, flavonóides, esterol, saponina e mucilagem.

[b]História[/b]
É uma planta muito conhecida e utilizada na Índia na celebração de rituais sagrados, e em grinaldas para decorar as estátuas dos Deuses .
Era também muito aprecida dos egípcios e gregos para fins medicinais e religiosos.
No México utiliza-se na celebração do dia dos mortos a 1 de Novembro, tanto na Índia como no México é comum utilizarem também os cravos-túnicos.
Na Idade Média era muito apreciada nos guisados, sopas e bebidas, vendia-se seca em grandes sacos a peso nos mercados e era muito popular nas poções mágicas para atrair noivo e acreditava-se que sonhar com maravilhas trazia boa sorte.
É ainda hoje conhecida como acafrão dos pobres pois pode ser utilizada na confecção e decoração de vários pratos como salada, arroz, na confecção de scones e outros bolos.

Em qualquer horta ou jardim a calêndula é uma grande amiga dos jardineiros e hortelãos pois faz lindos canteiros e é benéfica para as outras plantas.

FERNANDA BOTELHO nasceu em Tojeira/Sintra em agosto de 1959.
Aos 18 anos viaja para Londres onde estuda antroposofia e plantas medicinais e pedagogia Montessori.
Fez o curso de guia de jardim botânico com a Alexandra Escudeiros e gostou tanto que repetiu no ano seguinte.
Apaixonada por jardins botânicos, é frequentadora assídua de Kew gardens. Absorve o que vê, fotografando e escrevendo.
Publica anualmente desde 2010 agendas de plantas medicinais, três livros infantis “Salada de flores” “Sementes à solta” e “Hortas aromáticas”. “As plantas e a saúde, guia de remédios caseiros”. É colaboradora do programa Eco-escolas desenvolvendo projetos de plantas medicinais e hortas sustentáveis nos espaços escolares com professores e alunos.
É convidada regular da RTP 1, organiza passeios botânicos e dá workshops sobre plantas medicinais.
Blogue Malva Silvestre.

Tags:

2 Comments

  1. Anonimo 9 de Abril de 2008

    Adoro este tipo de blogs por reunirem pessoas cuja paixão, são os jardins e as plantas.

    Tenho uma pergunta: conhecem as perpétuas ? serão as calendulas ou maravilhas como ví publicado, ou serão margaridas (um tipo de crisantemos) ?

    Grato pela ajuda ?

    Arlindo Almeida
    arlindogarden blog

    Responder
  2. Fernanda 16 de Abril de 2008

    Olá Arlindo!
    as calêndulas são maravilhas e não margaridas, estas últimas são brancas raiadas de cor-de-rosa, consulte a partilha de fotos que eu vou lá colocar fotos de margaridas, de perpétuas acho que não tenho mas são completamente diferentes,normalmente são roxas ou rosa-choque mas tb podem ser brancas ou rosa claro.

    Responder

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Ir para o topo