A CARREGAR

Type to search

As minhas flores: Borago Officinalis, L

Mais uma das minhas flores, desta vez a conhecida Borragem que se encontra frequentemente nos nossos campos.
Flor envergonhada, mas muito bonita.
Envergonhada, porque a sua posição normal na planta é virada para baixo, rica em néctar, atrai os mais variados insectos, sendo usada também em fins gastronómicos e medicinais.

Espécie: Borago Officinalis
Família: Boraginaceae
Nome Comum: Borragem, Borago, Borragem-Comum, Chupa-Mel.
Floração: Janeiro – Outubro
Distribuição: Região Mediterrânica, Macaronésia e Sudoeste Asiático.
Habitat: Terrenos abandonados e bermas de caminhos.
Fotos Recolhidas no Algarve: Aldeia do Monte de Boi – Messines
Coordenadas: 37.251677, -8.307998

Descrição: Planta herbácea anual, cresce de forma espontânea, formando pequenos arbustos de 30 a 100 cm de altura, é praticamente toda coberta de pelos rígidos.
Apresenta ramos eretos simples ou ramificados. As folhas são rugosas, alternas, as inferiores grandes, ovadas e oblongo-elípticas contraídas em pecíolo comprido, as superiores pequenas e ample-xicaules.
As inflorescências apresentam-se ramificadas e as flores de corola rodada de um azul intenso encontram-se pendentes.
Cada flor é constituída por cinco pétalas e cinco sepalas. O centro da corola é branco, apresentando um pequeno tubo, do qual saem cinco estames negros. As anteras de ponta curva aguda e rígida, juntam-se no topo formando uma estrutura cónica rígida.
As sementes são de cor castanho-acinzentado.
Estas flores são um atractivo para as abelhas e usadas em várias aplicações gastronómicas, por serem comestíveis e bonitas para decoração de pratos.

Manuela Rocha é natural de Almada, formada em Engenharia de Sistemas Marítimos de Electrotecnia e Telecomunicações, especializou-se na área da electrónica marítima.

Nos seus tempos livres gosta de passear e fotografar a Natureza em todas as suas dimensões, mas o que a cativou foram as flores silvestres que de forma espontânea estão aí a surpreender com a sua beleza.

Com um levantamento de imagens feito ao longo de vários anos o Portal do Jardim vai contar com a sua preciosa colaboração partilhando connosco as suas descobertas.

Tags:

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Ir para o topo