A CARREGAR

Type to search

Os meus Jardins: Jardins d’Étretat na Normandia

Ver a paisagem que nos rodeia como uma extensão do nosso interior, este é o mote dado por Alexandre Grivko, o criador do espaço que visitámos.

Texto e fotografia: Luísa Dias Mendes

O talento e a criatividade estão bem patentes nos belos jardins D’Etretat. Numa obra que não demorou nem dois anos a concretizar, tempo recorde tendo em conta a logística de todo o trabalho e que resultou nos belos jardins que pudemos visitar.
Tudo foi foi possível graças uma conjugação de esforços excecional e a uma equipa pluridisciplinar de 60 pessoas sob a égide da empresa Il Nature com sede no Reino Unido.

Roxelane

O ponto de partida foi o Chalet Roxelane e jardins e foi anexado também um terreno adjacente que resulta agora numa área total de 16 500m².
No início do século XX a atriz francesa Madame Thebault plantou a primeira árvore (1903). O paisagista local Auguste Lecanu transformou esta encosta num jardim onde as orquídeas eram rainhas. No entanto, é graças à influência e inspiração do pintor Claude Monet, pai do impressionismo, que o ambiente foi cuidadosamente preservado até aos dias de hoje.
Amigo da artista e grande admirador de toda esta zona da Normandia, pintou inúmeras vezes as belas falésias d’ Etretat. É referenciado nas esculturas do jardim e que fazem parte integrante do mesmo.
Este jardim é propriedade privada mas está aberto ao público 10 meses ao ano. Recebe visitas um pouco de todo o mundo.

Svetlana a nossa guia

A nossa experiência
Visitámos no início de Agosto, fomos recebidas por Svetlana Diretora do Espaço e Anastasia que nos contaram a odisseia de toda a construção e tiveram a amabilidade dos nos fazer a visita guiada. Para colocação das mais de 150 000 plantas provenientes de vários pontos da Europa, foram retiradas parte das rochas e criadas bolsas para a terra e nutrientes de forma a que as plantas criassem resistência às condições de toda esta zona da Normandia que pode ser muito ventosa e claro exposta ao sal. O jardim respeita a inclinação desta encosta o que permite dar esta sensação de ondulação e de movimento e ao mesmo tempo faz com que as plantas resistam a ventos de 140 km/hora como por vezes acontece.

Jardim das Emoções

Com a sua cor de base em verde, as formas das sebes cuidadosamente aparadas das várias plantas selecionadas evocam as características naturais desta zona da Normandia. Os elementos marinhos nomeadamente a forma das ostras se atentarmos bem quando chegamos ao Jardim das Emoções onde estão as esculturas do espanhol Samuel Salcedo feitas de poliester, resina e pó de alumínio. Mas outros jardins dentro do jardim como o Jardim Avatar, Jardim D´Aval ou o Jardim Zen merecem o nosso olhar reconhecido por tanta beleza.
As várias sebes que aqui encontramos devidamente podadas de formas arredondadas são feitas de várias plantas incluindo o azevinho, o que se torna deveras surpreendente.
Há medida que fazemos o circuito do Jardim para onde quer que olhamos existe algo de novo. A ligação ao oceano e às falésias é incontornável.

Homenagem a Claude Monet

As plantas
Algumas das plantas que estão presentes nas formas ondulantes de topiária e nos jardins.
Phyllyrea angustifolia Lentisco bastardo ou aderno
Osmanthus heterophyllus jasmim do imperador – falso azevinho Osmanto
Orchidacea cypripediem formi – As orquídeas mantêm a ligação ao jardim da antiga proprietária
Ilex aquifolium Azevinho
Enkianthus japonicus Enkianthus
Muehlenbéckia compactus Muelenbeckia
Buxux sempervirens Buxo
Ligustrum devavayanum Ligustro
Agapanthus africanus blue Agapantos

A falésia L’Aiguille

Aquando da nossa visita apenas os Agapantos azuis estavam em flor mas os tons de verde multiplicam-se variando de acordo com o tipo de planta e com a luz. Recomendamos vivamente uma visita na Primavera em que outras florações nomeadamente em branco são visíveis e o jardim se transforma em algo de novo.
Outra constatação interessante é que apesar de ser uma área pequena, com a sua inclinação de 45°, as vistas para a falésia, para o Port d’ Aval e para a vila d’Étretat são sempre diferentes, dependendo do sitio onde nos encontramos e todas igualmente interessantes.
E não esquecer que as sebes estão a crescer o que vai transformar o jardim ao longo do tempo.

Informações úteis

Etretat Gardens
Damilaville, 76790 Étretat, France
Aberto todos os dias 10 as 19h
www.etretatgarden.fr

Pode saber tudo sobre a exposição de escultura patente nos jardins na edição 92 da revista Tudo Sobre Jardins.

A REDACÇÃO do Portal do Jardim.com, conjuntamente com todos os seus contribuidores, prepara artigos e notícias do seu interesse, mantendo-o ao corrente do que se passa sobre o Jardim, em Portugal e no Mundo.

Tags:

Talvez goste deste artigo

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Ir para o topo